quinta-feira, 23 de dezembro de 2010

Capítulo 43: Ecoavam no Vazio

Minhas pálpebras tremeram um pouco e eu abri os olhos. Sentia uma leve dor de cabeça. Ouvia um barulho constante, e havia um fio ligado ao meu peito. Olhei para cima e vi uma pequena televisão que monitorava meus batimentos cardíacos, minha pressão sanguínea e outras coisas que eu não sabia identificar.
Me recordei dos fatos vagarosamente, é claro, pensei, eu estava em um quarto de hospital.
Me movi na alta e desconfortável cama, um lençol branco e engomado me cobria. Meu braço esquerdo estava engessado até a altura do cotovelo, e em minha mão direita, encontravam-se na palma, 6 pontos um tanto doloridos.
Com um pouco de esforço, virei-me para a esquerda, Elizabeth estava sentada em uma cadeira ao meu lado, os olhos colados em uma revista. Ela estava linda como sempre, vestia um sobretudo preto por cima de uma calça jeans, uma boina preta no alto da cabeça,  os cabelos lindamente ondulados e louros caíam impecávelmente até os ombros.
"Oi" - chamei-a.
Ela virou-se e me dirigiu aqueles brilhantes olhos azuis, olhou-me com pena. Eu estremeci envergonhada.
"Oh, você acordou que bom...está sentindo alguma dor?" - ela perguntou.
"Não..." - menti.
"O médico estava esperando você acordar pra te dar alta, porque você bateu a cabeça e desmaiou. Posso chama-lo agora se quiser, mas tem algumas pessoas que querem muito falar com você."
"Hmm...Vovó está aqui?" - perguntei.
"Não, ela não pode vir...bom, o motorista que te atropelou ele foi realmente muito atencioso e está muito preocupado com você, ele trouxe você aqui pro hospital e está aqui ainda, quer muito falar com você, posso chamá-lo?"
"Oh, sim, tudo bem."
Ela se levantou e saiu. Alguns minutos depois, alguém deu três batidas fracas e tímidas na porta.
"Pode entrar." - anunciei.
A porta se abriu e um homem baixo e roliço passou por ela. Ele era de aparência afável, careca, baixo, vestia uma calça jeans e uma blusa de moletom azul marinho.
Aproximou-se vagarosamente de mim:
"Olá, como se sente?"
"Oi, bem melhor. Obrigada por trazer-me aqui, eu devo desculpas, atravessei a rua sem prestar o mínimo de atenção. Por favor, diga-me se houve algum dano no carro, eu posso pagar para o senhor."
O homem se aproximou mais, um esboço de sorriso apareceu em seu rosto e eu sorri de volta, instintivamente.
"Não, não houve nenhum dano. Mas mesmo se houvesse, eu não aceitaria que você pagasse por ele. Quer dizer, olhe só para você! Está no hospital, eu quebrei-lhe um braço e está tentando ser gentil comigo?" - o homem riu teatralmente.
"é bom saber que se sente melhor" - ele continuou - "Muito bom,alivia minha culpa. Agora, se não se importa, eu preciso voltar ao trabalho, perdi algumas horas e preciso explicar ao meu chefe..."
"Oh, mas isso é grave, e por minha causa!" - senti-me encabulada - "O que posso fazer pelo senhor? Eu poderia telefonar ao seu chefe, e eu mesma explicar o que aconteceu? Seria o mínimo que poderia fazer...e ficaria feliz em ajudá-lo."
"Oh, obrigada, por favor faça isso sim..." - ele tirou do bolso da blusa de frio, um bloco de notas pequeno e escreveu rapidamente um número- "Aqui está...Agora, posso ir?"
Peguei o papel e o li:
"Cláro, pode sim, obrigada..." - não pude deixar de sorrir.
"Imagine! Eu é que agradeço."
O homem saiu e acenou.


Elizabeth, voltou ao quarto:
"Chamei o médico, ele logo virá." - ela me pareceu estranha, sentou-se e remexeu as mãos nervosamente - "Michael me contou o que aconteceu, e sinceramente,a minha opinião, é que ele nunca faria isso, nunca."
"Se você estivesse no meu lugar, entenderia o meu ponto de vista." - defendi-me.
"Não, eu procuraria entender os outros pontos de vista, iria ouvi-lo e somente depois de tudo isso, tomaria a minha decisão...Você pode estar cometendo um grave erro Emanuelle. Não estou dizendo isso para defender Michael, estou dizendo o que eu acho que seria certo a fazer neste momento. Sabe, eu fiquei com ele lá embaixo, até o médico terminar de dar os pontos em sua mão e...nunca vi Michael tão triste, tão inconsolável...Sabe porque? Por que eu nunca vi Michael tão apaixonado."
Neste momento o médico entrou e começou a falar os cuidados que eu devia tomar com o gesso e os pontos, porém eu não ouvia nada, as palavras de Elizabeth haviam se impregnado em minha mente e agora ecoavam em vazio de incertezas.  

12 comentários:

Vicky,Bella♥, Luly e JoJo disse...

Obrigada pelo selinho lindo!! Estou te oferecendo um tbm! Um selinho exclusivo VDG de natal! Pega lá e fala que eu liberei,ok??
Beijinhooos,
Vicky☺

Amanda Z. disse...

Lindo texto floor! (:
E Obrigada pelo selinho ^^ eu adoorei, logo postarei lá no blog!

Beijos.
http://diariodelooks.blogspot.com/

Alinne disse...

Feliz Natal e Feliz Ano novo!
Desejo que o seu natal seja maravilhoso,
muuita paz, amor *-*, felicidade!
Um grande abraço e beeijão

Nathália de Freitas disse...

Adorei o selinho que vc me indicou e já postei!
Aproveito pra desejar um Feliz Natal!
Que seu natal seja repleto de paz e harmonia!

Bjooo

Nath de Freitas
http://nathdefreitas.blogspot.com

Cabeça Feminina disse...

Dsculpa a demora, mas mt obrigada pela participação no meu blog.
Volte qnts vzs quisr, pois sua opnião eh mt important para nós.

Estou seguindo-a.


Um beijo e boa noite.

Danny

http://cabecafeminina.blogspot.com

Alinne disse...

obg flor ^^
beeijão

it girls disse...

Oi flor já estou seguindo seu blog, gostei do texto ^^

Ah acc parceria sim é só colocar nosso banner e nos avisar que faremos o mesmo.

http://profanofeminino.blogspot.com/

Thaís Felix de Oliveira disse...

Vou arranjar um tempo para ler tudo desde o primeiro Capítulo ;)

Muito Sucesso Para você!

controlandominhamaluquez.blogspot.com

• Fяαη¢єℓℓє Mσяgαη • disse...

Oiee querida,muito obrigada por visitar e seguir o meu bloguinho!!!
Fico feliz que vc tenha curtido lá...

Eu tbm ameei aki e já estou te seguindo...aliás,vc aceita parceriia???

Kisses e sucesso...S2
http://backstreetmorgan.blogspot.com

Gaby disse...

Oi denovo, a história é muito legal, vou seguir tbm, obrigada pelos elogios haha'
Gostaria de te desejar um Feliz Ano Novo cheio de paz no seu ♥, amor pelo ar, e saúde para vc e sua família XD
Beeijos!

Gaby disse...

Oii decsulpa, estava em uma conta errada o comentário anterior foi meu (Is3a) decsulpa aí uhahah'

Cristian Ross disse...

Que lindo, Quel muito legal mesmo.